11/09/2018

Bancários do Santander aprovam ACT durante assembleia



Por unanimidade, os bancários do Santander aprovaram o Acordo Coletivo de Trabalho (ACT) aditivo a Convenção Coletiva de Trabalho (CCT) durante Assembleia Geral Extraordinária, que aconteceu nesta terça-feira (11) na sede do Sindicato dos Bancários de Pernambuco.

 

Os bancários também aprovaram o acordo específico do PPRS (Programa de Participação nos Resultados Santander) e os termos de compromisso para manutenção do Banesprev e da Cabesp.


O acordo deverá ser assinado nesta sexta-feira (14), em São Paulo, na Torre Santander. A representante da Comissão de Organização dos Empregados (COE) do Santander e dirigente da Federação dos Trabalhadores do Ramo Financeiro no Nordeste (Fetrafi/NE), Tereza Souza, participará da agenda. "Foi fundamental, nesta conjuntura de retirada de direitos, renovar o acordo aditivo do Santander, único banco privado que tem ACT. Esta é uma conquista dos funcionários e do movimento sindical", afirma Tereza.

 

A presidenta do Sindicato, Suzineide Rodrigues, destaca a luta da entidade e a importância da aprovação do aditivo.

 

“A aprovação deste aditivo garante direitos específicos aos trabalhadores do Santander, avançando  em algumas questões. As negociações aconteceram em uma conjuntura desfavorável, mas conseguimos sair vitoriosos, graças ao trabalho realizado em todo o País. A garantia dos direitos das bancárias e bancários por mais dois anos é uma conquista que nenhuma outra  categoria conseguiu. Nossas mobilizações surtiram efeito e estamos de parabéns”,  comenta Suzineide.

 

Questões como a bolsa auxílio-estudo para primeira graduação e pós-graduação;  a licença-amamentação; abono para PCDs (pessoas com deficiência) para aquisição e reparo de seus equipamentos; e a licença não-remunerada de até 30 dias ao ano para cuidar de parentes de primeiro grau que estejam adoecidos, estão previstos neste aditivo.

 

O bancário do Santanter e diretor da Fetrafi-NE, Fernando Sales, ressalta a importância do Sindicato nesta conquista.

 

“O Sindicato vem se destacando dia após dia na luta pelos direitos da classe trabalhadora, não deixando que seja perdido anos de conquistas. É um Sindicato ativo e que merece o respeito de todos nós. A aprovação deste aditivo fortalece as bancárias e bancários do Santander como categoria, mostrando que a união faz a diferença em momentos de dificuldades”, destaca Fernando.

 

Ainda sobre o PPRS, aprovado em assembleia, a negociação garantiu o valor mínimo de R$ 2.550,00 para todos os empregados, que vai ser pago junto com a segunda parcela da PLR.

Compartilhe no
Notícias relacionadas...

Outras notícias...

Expediente:
Presidenta: Suzineide Rodrigues • Secretário de Comunicação: Epaminondas Neto • Conselho Editorial: Suzineide Rodrigues, Epaminondas Neto e Adeílton Filho • Jornalista Responsável: Micheline Américo  Redação: Beatriz Albuquerque e Brunno Porto • Coordenação, Supervisão e Produção de audiovisual: Tempus Comunicação •  Programação Visual: Bruno Lombardi