30/11/2018

Delegados sindicais participam de encontro sobre conjuntura política



Delegados sindicais participam de encontro sobre conjuntura política Os delegados sindicais, entre titulares e suplentes, participaram do Seminário: Conjuntura Política X Convenção Coletiva de Trabalho (CCT). A formação promovida pelo Sindicato dos Bancários de Pernambuco, no dia 29 de novembro, trouxe subsídios da ciência política para os representantes de base, que terão mandatos até 30 de junho de 2019.


A programação contou com a realização de uma roda de diálogo acerca do impacto negativo da reforma trabalhista nas negociações da Campanha Nacional 2018, a conquista da manutenção dos direitos por dois anos e as perspectivas para os trabalhadores no governo do presidente eleito, Jair Bolsonaro.


“Reforçamos como foi importante a aprovação antecipada da CCT, porque o governo eleito tem como filosofia que temos de escolher entre ter direitos ou emprego. Nós temos a garantia dos nossos direitos por dois anos”, destaca a secretária de Bancos Públicos do Sindicato, Cândida Fernandes.


A dirigente da Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro da Central Única dos Trabalhadores (Contraf-CUT), Fabiana Uehara, defendeu a necessária resistência. “Nós já estamos em campanha para 2020 com relação aos nossos acordos e direitos específicos, mas vamos ter que reforçar a nossa luta pela sociedade que nós acreditamos. Cabe a cada um de nós pensar como e fazer a construção coletivamente”.


Os delegados sindicais também receberam orientações de representantes do Centro de Referência em Saúde do Trabalhador de Pernambuco (CEREST/PE) sobre a política de saúde do trabalhador e abertura da Comunicação de Acidente de Trabalho (CAT). Na ocasião, o Sindicato recebeu as demandas repassadas pela base aos delegados sindicais sobre as dificuldades enfrentadas pelos empregados da Caixa, Banco do Brasil e Banco do Nordeste nos locais de trabalho.


Essas informações serão encaminhadas às comissões de empresa para que os assuntos constem nas pautas das reuniões entre os representantes dos bancários e a diretoria dos bancos públicos. “Lembramos que a missão dos delegados sindicais é ser a voz do Sindicato dentro das agências, levando as informações e trazendo as demandas e as dúvidas da categoria”, afirma a secretária-geral, Sandra Trajano. A atividade encerrou-se com um ato em defesa da Caixa 100% pública e contra o fatiamento da estatal. A ação marcou o Dia Nacional de Luta, convocado pela Contraf-CUT.  

Compartilhe no
Notícias relacionadas...

Outras notícias...

Expediente:
Presidenta: Suzineide Rodrigues • Secretário de Comunicação: Epaminondas Neto • Conselho Editorial: Suzineide Rodrigues, Epaminondas Neto e Adeílton Filho • Jornalista Responsável: Micheline Américo  Redação: Beatriz Albuquerque e Brunno Porto • Coordenação, Supervisão e Produção de audiovisual: Tempus Comunicação •  Programação Visual: Bruno Lombardi